Ernesto Bonato

Nasceu em São Paulo em 1968. Trabalha com pintura, desenho, gravura, fotografia, instalação e intervenção urbana e teve trabalhos expostos em mais de 190 exposições individuais e coletivas no Brasil e em 28 países.

Leia maisRead more

Graduado e mestre pela ECA–USP. Participou da criação do serviço educativo do MASP, em 1997. Ensinou gravura em metal na FAAP e desenho e gravura no Centro Universitário SENAC. Membro fundador e coordenador do Atelier Piratininga, em São Paulo, de 1993 à 2013. Prêmio Unesco, no 14º Salão Nacional. Participou da criação de projetos coletivos como o “Projeto Lambe-Lambe”, “Trilingüe ABC: Gráfica atual”, “L´Art Roman vu du Brésil, entre outros. Organizou e participou de diversos intercâmbios, simpósios e palestras sobre arte. Curador de exposições no Brasil e exterior. Coordenou o livro “Lugar, Tempo, Olhar: arte brasileira na França Românica”. Convidado para o Programa de artista residente na Universidade Estadual de Campinas, muda-se para esta cidade em 2011.

Principais exposições individuais : 2017 – Maré.02. Casa das 11 Janelas, Belém do Pará. I  2016 – Maré.02. MACC I 2012 – Ernesto Bonato I Pinturas. Galeria Mezanino. SP I 2008 – Visagens: visões comuns, visões sublimes. Biblioteca Belmonte. SP I 2005 – Ernesto Bonato. Galerie L´Archipel sur le Lac, San Martin du Lac, Borgonha, França I 2004 – Traversée. Casa Consular da França. SP I 2002 – Fio da meada. Corredor galeria. Atelier Piratininga, SP I 2000 – Imanência. Centro Cultural Maria Antônia. SP I 1997 – COR. Fundação Cultural de Curitiba. Paraná.

Principais exposições coletivas: 2016 – Coletiva BR2016. Galeria Virgilio. São Paulo, SP  I  2015 – Drie Dagen in Het Noorden. De Punt. Amsterdã, Holanda I 2014 – South Ameri­can Printmaking Exhibition. Guanlan Printmaking Base, Senzhen, China I Brazilian Contemporary Printmaking. IPCNY. NY, EUA I 2013 – Atelier Piratininga 20 anos. Galeria Gravura Brasileira, São Paulo I 2012 – Quatro ensaios gráficos. Estação Pinacoteca. SP IMaré. 01. Galeria de Arte da Unicamp. SP I 2011 – Europalia. 3 Gravura extrema. Centre de la Gravure et de lImage imprimée. Bruxelas, Bélgica I 2010 – Caminos del grabado. Instituto cultural Brasil Venezuela. Caracas, Venezuela I 2009 – 6e Biennale internationale destampe contemporaine de Trois-Rivières. Quebéc, Canadá.